Subadutoras vão ampliar capacidade de distribuição de água em 21 bairros da Capital

A Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa) segue trabalhando no reforço das adutoras que abastecem os reservatórios R1, R2, R6 e R11, em João Pessoa. A obra, realizada atualmente na Avenida Júlia Freire, no bairro da Torre, vai ampliar a capacidade do fornecimento de água em 21 bairros da Capital, com o objetivo de acompanhar o aumento populacional previsto, afastando a possibilidade de haver necessidade de intermitência na distribuição aos consumidores.

Com investimento de R$ 27,5 milhões de reais originados do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do Governo Federal e do Governo do Estado, a obra irá beneficiar os bairros do Centro e centro expandido de João Pessoa, como Jaguaribe, Varadouro, Róger, Baixo Róger, Tambiá, Alto do Céu, Salinas Ribamar, Porto do João Tota, Vem-vem, Ilha do Bispo, Cordão Encarnado, Jardim 13 de Maio, Ipês, Torre, Expedicionários, Bairro dos Estados, Mandacaru, Tambauzinho, Rangel, Cristo e Vale das Palmeiras.

A obra já passou por várias etapas, com a substituição de 8,5 quilômetros de tubulações por redes de maior diâmetro, entre 400 e 700 milímetros, como explica o diretor de Expansão da Cagepa, Ricardo Moisés. “A parte central de João Pessoa é abastecida pelo sistema de Marés, que já está no limite da capacidade. A obra garante o reforço da distribuição com a interligação do sistema de Gramame, suficiente para atender a demanda prevista para a região central pelos próximos 20 anos.” destacou o diretor.

Durante a execução do serviço, estão sendo necessários alguns desvios no trânsito da região, que variam de acordo com a etapa vigente do planejamento. “Pedimos a compreensão da população, porque os transtornos momentâneos são necessários para garantir um melhor serviço para a população dos bairros em questão”, ponderou Ricardo. A conclusão da obra está prevista para setembro de 2021.