Ricardo assina ordem de serviço da TransParaíba no próximo dia 14

O governador Ricardo Coutinho assinará, na próxima terça-feira (14), a ordem de serviço do Sistema Adutor TransParaíba, que vai beneficiar cerca de 150 mil habitantes de 19 municípios paraibanos. O sistema adutor do Curimataú levará as águas do Rio São Francisco do açude Epitácio Pessoa (Boqueirão) para esta região, que sofre com a escassez hídrica. O anúncio da data oficial para a autorização das obras da adutora TransParaíba foi feito nesta segunda-feira (6), durante o programa semanal Fala Governador, transmitido em cadeia estadual pela rádio Tabajara.

De acordo com o governador Ricardo Coutinho, esta será a maior obra hídrica realizada no Estado, tendo a capacidade de trazer mais desenvolvimento ao Curimataú e qualidade de vida para a população. A obra faz parte do programa Mais Trabalho e prevê investimentos na ordem de R$ 220 milhões.

“A ordem de serviço marca o início efetivo desta obra que cobre diversas cidades como Boa Vista, Picuí, Frei Martinho e outras que terão, com a TransParaíba, a tão desejada segurança hídrica. É uma obra redentora e fundamental, tendo uma estação de tratamento com a capacidade para tratar 544 litros de água por segundo. Essa água vai sair com qualidade para todas as cidades beneficiadas”, falou o governador.

O chefe do Executivo Estadual ainda ressaltou que a obra “irá marcar a Paraíba porque vai dar a dimensão do quanto o Estado mudou e está trilhando um caminho correto, com ações grandiosas e que mudam a realidade do povo. A TransParaíba vai coroar esta gestão e atender à necessidade da população do Curimataú”.

O Sistema adutor do Curimataú contará com 350 km de adutoras que captarão a água do açude Boqueirão para abastecer as cidades de Boa Vista, Soledade, Boqueirão, São Vicente do Seridó, Cubati, Sossego, Baraúna, Picuí e Frei Martinho (1ª etapa); e Juazeirinho, Olivedos, Pedra Lavrada, Nova Palmeira, Cuité, Nova Floresta, Barra de Santa Rosa, Damião, Cacimba de Dentro e Araruna (2ª etapa). O sistema também terá uma estação de tratamento e 21 estações de bombeamento.