Cagepa implanta subadutora e melhora distribuição de água em 11 bairros da Capital

Seguindo na mobilização para atender a população paraibana nesse período de enfrentamento da pandemia, a Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa) concluiu mais uma obra de melhoria de sua rede de distribuição de água. A empresa entregou nesta semana a implantação de uma subadutora que vai reforçar a rede de abastecimento do reservatório R21, beneficiando os bairros do Geisel, Funcionários II, III e IV, Esplanada I e II, Sepol, Grotão, João Paulo II e parte dos Conjuntos Costa e Silva e Ernani Sátiro, na Capital.

De acordo com o presidente da Cagepa, Marcus Vinícius Fernandes Neves, a obra foi executada rapidamente para garantir a segurança no abastecimento dessa região, diminuindo as intermitências. “As equipes trabalharam com afinco e, em menos de um mês, implantamos uma derivação direta da adutora de Gramame, com 660 metros de extensão de rede em 250 milímetros. A Cagepa está com todas as equipes técnicas mobilizadas para atender a população nesse período de enfrentamento à Covid-19 e não vamos descansar neste desafio de levar água para nossa população”, afirmou.

A nova subadutora está injetando 36 litros por segundo na rede de distribuição da área e, segundo o monitoramento de pressão feito pela Cagepa nos bairros assistidos pela obra, já há melhoras significativas no abastecimento.

O presidente Marcus Vinícius destaca que a Cagepa investiu R$ 315 mil na obra e que a empresa segue trabalhando com demais intervenções e medidas na luta contra a pandemia. “O abastecimento de água, mais do que nunca, é um serviço essencial neste momento e, portanto, estamos empenhados para ajudar a frear a Covid-19. Seguiremos focados em colocar mais água onde precisa: principalmente nas áreas residenciais, onde o consumo cresceu nestas últimas semanas. Importante destacar que todo esse trabalho vem sendo feito de forma cuidadosa com nossos empregados. As equipes de manutenção e operação da Cagepa estão trabalhando com os devidos protocolos de prevenção contra a Covid-19, com fardamentos e acessórios de trabalho devidamente higienizados e portando álcool em gel”, ressaltou.